Seção - Artigos Indicados

Este artigo é um trial multicêntrico, randomizado, duplo cego que avaliou pacientes (adultos) com sepse, insuficiência respiratória e necessidade de ventilação mecânica quanto ao uso de dexmedetomidina ou proporfol na sedação e desfecho neurológico.

As doses de sedativos utilizadas foram: dexmedetominida 0.2 - 1.5 ug/kg/h; proporfol 5 - 50 mcg/kg/min; escala de RASS (Richmond Agitation-Sedation Scale) alvo foi de -2; foram utilizadas escalas para avaliação e tratamento da dor e delirium.

O número médio de dias sem delírio ou coma durante o período de intervenção de 14 dias: dexmedetomidina 10,7 dias; proporfol 10,8 dias.
Mortalidade no 90° dia: dexmedetomidina 38%; proporfol 39%.

Conclusão: Entre pacientes sépticos em ventilação mecânica sendo tratados com abordagem de sedação leve recomendada, não houve diferença significativa entre os pacientes que receberam proporfol ou dexmedetomidina.

Referência: (HUGHES et al., 2021)